Pedido de Música

Jorge Aragão canta no álbum que El Pavuna lança em 2 de dezembro, Dia Nacional do Samba - RadioBlackMusicBrasil

Últimas

Home Top Ads

Post Top Ads

sexta-feira, 12 de novembro de 2021

Jorge Aragão canta no álbum que El Pavuna lança em 2 de dezembro, Dia Nacional do Samba


♪ Em 1985, quando Jovelina Pérola Negra (1944 – 1998) pôs na roda o samba Feirinha da Pavuna, composto e gravado por essa artista carioca, bamba do partido alto, El Pavuna nem era nascido e Jorge Aragão já era compositor consagrado em vozes como as das cantoras Beth Carvalho (1946 – 2019), Elza Soares e Sandra de Sá, mas ainda sem visibilidade como cantor.

Como a vida gira sem parar, El Pavuna lança em 2 de dezembro, Dia Nacional do Samba, o álbum Vide o céu da zona norte às cinco e meia com a participação de Jorge Aragão, que alcançou fama como cantor a partir dos anos 1990.

El Pavuna é o nome artístico do cantor, compositor e ator Thauan, carioca nascido em 1994 e criado no bairro da Pavuna, onde implantou roda de samba batizada com o nome da composição de Jovelina.

Primeiro álbum de El Pavuna, gravado ao longo deste ano de 2021 com arranjos e produção musical de Wilson Prateado (à esquerda na foto tirada no estúdio com Aragão e El Pavuna)Vide o céu da zona norte às cinco e meia traz a voz de Aragão no samba Aos novos compositores (Arlindo Cruz, Acyr Marques e Chiquinho Vírgula).

O samba é o hino do projeto homônimo Aos novos compositores, coletivo de autores que se reúnem quinzenalmente no Beco do Rato – em casa de show situada no centro da cidade do Rio de Janeiro (RJ) – para mostrar somente sambas de lavra própria. Foi nesse grupo – do qual El Pavuna faz parte – que o artista foi revelado como sambista.

Além de cantar com El Pavuna no disco o samba Aos novos compositores, Jorge Aragão tem o nome citado na letra do pagode romântico Onze e vinte e três (23:23) (El Pavuna e Júnior Jaú), outra música do álbum Vide o céu da zona norte às cinco e meia.

O repertório autoral do disco também inclui os sambas Jurei (El Pavuna, Daniel Rozadas e Lucas Machado), Minha sogra é boa demais (El Pavuna), O amor não vai morrer (El Pavuna) e Senhor do tempo (El Pavuna).


 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Post Ads