Pedido de Música

Black Music: conheça a história... - RadioBlackMusicBrasil

Últimas

Home Top Ads

Post Top Ads

domingo, 15 de agosto de 2021

Black Music: conheça a história...

Conheça esse gênero musical que faz parte da cultura negra!

Gente, a Black Music é um ritmo que vem dos Estados Unidos e ganhou esse nome nos anos 1940! Até lá, ela era conhecida como Race Music, ou Música da Raça, viu? Só que esse gênero tomou dois rumos, sendo um religioso e outro popular! Vem comigo que eu te conto tudo sobre eles:


O começo da Black Music

Olha, a Black Music norte-americana começou na época em que negros eram escravizados nos Estados Unidos. Pra tentarem sobreviver àquelas condições, eles cantavam melodias de seus países de origem, na África.


Depois que foram libertados do trabalho forçado, em 1861, a Black Music continuou e ficou mais forte, principalmente nos bairros onde os descendentes dos escravos viviam.


Só que aí, na metade do século 20, a revista americana de música Billboard reconheceu a importância da Black Music, e ela passou a tomar dois rumos:


- Rhythm and Blues, ou R&B: ritmo que dá origem ao rock?n?roll, jazz, funk e outros
- Canções religiosas: feitas pra louvar a Deus


A Black Music nas igrejas

Desde a época em que eram escravizados, as igrejas faziam a evangelização dos afro-americanos, e foi assim que a Black Music começou a fazer parte da religião.


Daí o estilo Soul Music, ou música da alma, como ela é chamada, era a maneira que eles cantavam os salmos nas igrejas, sempre falando de amor e fé.
 

A riqueza da Black Music

Agora, o ritmo Black Music é tão rico que possui vários estilos, sabia? O jazz, por exemplo, tá dividido em muitos subgêneros. Eles nasceram da mistura de culturas com os instrumentos harmônicos. Olha só:


Jazz

As músicas desse gênero são cantadas num sistema chamado sincopado, ou seja, de perguntas e respostas. É um padrão repetitivo que deixa o artista improvisar! Tem que ter criatividade, né?


Rock?n?roll

Já o Rock?n?roll surgiu nos anos 1950 a partir da união de outros dois ritmos: rhythm and blues, que é da Black Music, e country and western. Cantores como Chuck Berry, Jerry Lee Lewis e Elvis Presley participaram desse comecinho do rock?n?roll.
 

Funk

E o funk chegou nos anos 1960 como uma mistura de soul, jazz e rhythm and blues. O pai desse gênero, que tem groove rítmico forte de baixo elétrico e bateria no fundo, é o conhecidíssimo James Brown! Demais!


A Black Music no Brasil

E pelo Brasil, a Black Music que veio dos Estados Unidos se uniu com a que nasceu por aqui. Essas músicas contam com bastante melodia, sedução e sensualidade! É o caso do axé, funk carioca e pagode!


Só que ritmos locais da Black Music, como bossa nova, samba, choro, lambada e maracatu não seguiram essa tendência! Cada estilo tem suas características e principais artistas, como Alcione, Sandra de Sá, Emicida, Elza Soares e outros.


Vozes de sucesso da Black Music

Conheça 6 músicos que conquistaram o público com esse ritmo!

Gente, a Black Music tem canções que falam sobre as lutas da raça negra, política, positividade e outros temas importantes! E seus músicos foram os porta-vozes que levaram mensagens assim pro mundo todo, sabia? Vem comigo que eu te mostro 6 deles!


Whitney Houston

Olha, Whitney Houston é uma das melhores vozes da Black Music, viu? Por isso, já vendeu mais de 160 milhões de discos no mundo e teve o terceiro contrato mais caro que já foi pago pra uma artista feminina. Uau!


A cantora emplacou 19 músicas em primeiro lugar na Billboard, um número tão importante que não é todo artista que consegue. E a Whitney é influência na carreira de várias cantoras da atualidade, como Celine Dion, Mariah Carey, Jennifer Lopez e Beyoncé.
 

James Brown

Já James Brown é um dos nomes mais influentes da Black Music no século 20. Chamado de Rei da Soul Music, ou música da alma, ele fez muito sucesso nos anos 1960 e garantiu presença até mesmo na política.


É que depois que o líder Martin Luther King Jr. foi assassinado, Brown entrou ao vivo numa rádio e cantou a noite toda pra tentar conter o desejo de revolta da população. Incrível, né?


Esse cantor tem 6 músicas na poderosa lista das 500 canções de todos os tempos, feita pela revista musical Rolling Stones!


Ella Fitzgerald

Agora, a dama do Jazz, Ella Fitzgerald, fez muito sucesso por causa da boa técnica, do excelente repertório e da alta capacidade de improvisar. Sua dicção era pura, com entonação perfeita!


Ella Fitzgerald começou a carreira no coro da Igreja Metodista Africana da sua cidade, no estado americano da Virgínia. Mesmo sozinha, a cantora mostrou que conseguia se apresentar sem uma banda, sabia? Arrasou!


Michael Jackson

Michael Jackson foi o maior artista pop da história e continua na lista dos 100 mais vendidos desde 1969. Quando lançou a música Thriller, revolucionou os caminhos da música negra nos anos 80 em direção ao pop e transformou a MTV, o canal de videoclipes dos Estados Unidos, numa potência entre todos os jovens.


Cartola

Agenor de Oliveira, mais conhecido como Cartola, foi o maior sambista da música brasileira. E o samba tem elementos musicais que, assim como a Black Music norte-americana, vieram da África!


Cartola participou da fundação da escola de samba Estação Primeira de Mangueira, a segunda do Rio de Janeiro. Ele que escolheu as cores verde e rosa. Isso aconteceu em 1928, viu?


Bob Marley

E bob Marley, o rei do Reggae, fazia parte da religião Rastafari, em que um dos lemas é a união da raça negra. Seus ideais sempre foram as inspirações pras composições, cheias de positividade, política e temas sobre a sua raça. Legal, né?


Daí no fim dos anos 1970, o álbum Survival tinha como tema os problemas sociais e políticos do continente africano. A música Zimbabwe, por exemplo, foi marcada por ser um hino de libertação do povo daquele país.


E você já conhece os modelos de caixa de som da JBL? Clica aqui pra ver e escolher um modelo pra ouvir suas canções favoritas de Black Music!



 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Post Ads